Criando intimidade com seu trabalho

A intimidade com sua escrita é construída por meio de rotinas, ou rituais, se você preferir. Por outro lado, é perdida quando você passa algum tempo longe do seu trabalho.

Pense por exemplo em uma amiga ou amigo a quem você encontrava com frequência, e com quem você gostava muito de conversar. Você já passou pela experiência de ficar algum tempo, ou muito tempo, sem falar com essa pessoa? Quando vocês se reencontraram não foi um pouquinho estranho, um certo descompasso, ainda que só por alguns minutos, antes de restabelecer o vínculo?

Às vezes leva bem mais do que apenas alguns minutos para restabelecer a conexão com alguém.

De certa forma, isso também ocorre com nossos próprios textos. Podemos pensar nos textos que escrevemos como amigas ou amigos com quem estamos sempre encontrando e retomando certos assuntos.

Se interrompemos nossa rotina de reencontros, interrompemos aquele fluxo de pensamentos e também aquelas emoções que as conversas despertavam.

Escrever um texto é um modo muito peculiar de conversar com partes de você mesma. Quando você estabelece um ritual, é como se aquela parte de você te esperasse, e a cada sessão, ocorresse um reencontro. Nem sempre fácil, é verdade. Mas sempre reencontro.

Você pode ler todos os manuais de metodologia, todos os exemplos de boas conclusões em romances, mestrados, doutorados, relatórios, e o que mais lhe aparecer pela frente, e isso não ajudar quase nada na hora de escrever uma conclusão. Pode ouvir sua orientadora ou orientador, conversar com amigos a respeito, e ainda assim sentir-se perdida, ou perdido.

Se você perdeu a a intimidade com seu trabalho, inevitavelmente sentirá aquela sensação bizarra de alienamento, de vazio, na hora de escrever uma conclusão.

Pense num ritmo: quantas horas por semana? que dias? que horários?

Pense num contexto: em que locais? que música? café ou chá?

Pense no significado: que parte de você está sendo mobilizada para o trabalho? A parte que só cumpre tarefas? Ou a parte que se sente feliz com a oportunidade de experimentar algo novo, de conhecer-se a sim mesma em uma nova situação?

Então sente-se e escreva!

Abraços e bom trabalho!

Gabi

Estão abertas as inscrições para meu Workshop de Escrita! Acesse o site: http://www.altamiraeditorial.com.br/hs1/altamiracultural/ ou escreva para: altamira.oficinas@gmail.com  ou WhatsApp: (11) 94337 2685

Você gostaria de receber meus pdfs com estratégias de planejamento e rituais de escrita? Me escreva! escrita.gabi@gmail.com

A citação de Doris Lessing eu tirei de: https://writerswrite.co.za/quotable-35671/

Anúncios

Um comentário sobre “Criando intimidade com seu trabalho

  1. É muito bom voltar a receber os seus convites à escrita, fazem vontade de retomar o trabalho, como se fosse um artesanato, e é isso mesmo!
    Sugestão: os materiais… papel, lápis e caneta em lugar de tecido, agulha e tesoura. Beijos!

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s